O intuito é interagir. Divertir-se com palavras, imagens e música.

São traços e traçados. 
Brisa ventos e tempestades. 
Passado que não passa. 
Presente a espera urgente do futuro. 
O incerto duvidoso e calculável. 
Planos imersos a rochas profundas. 
O vazio do nada, 
A sensação de tudo ao mesmo instante. 
O fazer a ser feito. 
A loucura, o abismo, 
A prevenção. 
O nada!
Nada se consegue fazer,
O querer quase que querendo.
O lutar por um destino.
Qual?
Quem? 
Contra?
Juntos?
Não, sozinho! 
A felicidade atravessada e assistida,
A vontade da partida. 
O fundo. 
Profundo. 
Imerso inverso. 
O ser sem saber onde está,
Se vai ou se fica.
Indecisão aparente sofrida.
Incalculáveis momentos de pura nostalgia.
A dúvida, o receio, o medo, a incerteza. 
Indecisão, fraqueza, fragilidade. 
O sentimento,
O pensamento,
Incalculável adversidade. 
O esquema, 
O poema, 
A música indireta, direta.
A falta das palavras, ações, emoções, reações.
O ver. Rever. Querer ver. Querer Rever. 
Entender. Causar. Delimitar. Sentir. Agir. 
Agora, 
Depois, 
Mais tarde... 
Vazio que não passa.
Acomoda-se e fica.
A incerteza, a dúvida,
Prevista involuntária. 
Honesta abriga um coração ferido e magoado a procura de sua cura.
Remendo talvez. 
A decisão não é só minha. 
É sua!